Guarda Municipal ajuda em parto...

Com a ajuda de guardas municipais uma mulher deu à luz a uma criança na última terça-feira, em Belo Horizonte.Tatiane Gonçalves da Cruz, de 23 anos, começou a passar mal quando passava próximo ao quartel da Guarda Municipal de BH, ela foi socorrida até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Segundo os guardas Gotelip e Fernando marinho, a mulher já demonstrava que não iria aguentar a chegada do resgate " Ela entrou em trabalho de parto e por pouco a criança não nasceu na rua", afirmaram. Este seria o segundo caso, já que no mês passado uma criança nasceu dentro de uma viatura da Guarda Municipal, dentro do estacionamento da UPA Oeste. Mãe e filho passam bem, eles receberam atendimento no bloco cirúrgico da Maternidade Hilda Brandão, na Santa Casa de BH.

Guarda Municipal é homenageada


Aproximadamente 400 pessoas, estiveram presentes no auditório da Academia de Polícia Militar de Minas Gerais, para a entrega do troféu Alferes Tiradentes, prêmio oferecido pelo clube dos oficiais. O troféu Alferes Tiradentes foi criado em 1983, destinado a homenagear personalidades e entidades que por suas atitudes, atos e realizações juntaram seus ideais aos ideais do Alferes, concorrendo assim com a melhoria de nossa terra.A Guarda Municipal de Belo Horizonte (GMBH) foi homenageada com a entrega do troféu a seu comandante o Coronel José Martinho Teixeira, que em seguida entregou o prêmio ao Inspetor Prates, representante dos guardas. Para o Coronel esse prêmio é muito importante para a instituição, “Esse prêmio vem referendar o estreito relacionamento da Guarda Municipal com a Polícia Militar, e vice -versa, sendo de grande importância”, disse. Ele contou ainda que a GMBH vem crescendo a cada dia, e que prêmios como esse irão aumentar e muito a responsabilidade da corporação perante a comunidade.O presidente do clube dos oficiais, Edvaldo Piccinini Teixeira, parabenizou aos agraciados valorizando os ideais da inconfidência mineira, “Vocês foram escolhidos não pelo poder que detém em si mesmos, mas, pelo poder que cada um tem para influir nas mudanças necessárias para a construção de uma sociedade melhor. Por isso lhe digo, sejam bem-vindos, juntai aos outros que o antecederam no recebimento dessa estatueta, pois mais que uma honraria, ela servira de uma lembrança perene de um compromisso como moras hora assumido, diante dos ideais para nos brasileiros da inconfidência mineira”, afirmou.No final todos se reuniram para uma confraternização, à banda de música presenteou a todos com suas apresentações. Guardas e inspetores presentes demonstraram o valor do prêmio e muitos tiraram fotos com a estatueta.

Roubou e deu de cara com a viatura da Guarda Municipal.

FISCAL SOLICITOU APOIO E LADRÃO FOI PRESO EM FLAGRANTE...
Um homem foi preso por agentes da Guarda Municipal (GM), quando acabava de cometer mais um crime, o fato aconteceu no Bairro Cafezal, região Centro Sul da capital. Henrique lima Carvalho, havia assaltado um estabelecimento comercial e deixou o local tranqüilamente levando os produtos do roubo, ele só não contava que uma viatura da Guarda Municipal passaria por perto naquele momento. Segundo informações do GM Lindenberg, ao passar próximo ao estabelecimento um fiscal que fazia a segurança do local solicitou o apoio, dizendo que o homem que caminhava tranqüilamente à frente da guarnição havia cometido um roubo ali, naquele momento. A equipe do Fiscop Centro-Sul, composta ainda pelo Insp Eduardo, efetuou a abordagem e teve muito trabalho para realizar a prisão, já que o homem estava aparentemente sob efeito de substâncias entorpecentes. Foi encontrado com ele aproximadamente cento e trinta reais em produtos alimentícios, roubados do estabelecimento, 05 chips de aparelhos celulares de operadoras diversas e um cartão de memória sandisk de 64 MB. Ainda segundo populares o homem já era conhecido no bairro por cometer pequenos furtos em comércios e residências, os policiais constataram que Henrique já havia sido preso pelo artigo 16. Ele foi encaminhado a 6ª Delegacia de Polícia Distrital Sul, onde foi ouvido e autuado em flagrante pelo crime de roubo.

Guarda Municipal: Susto em ronda...

Guardas Municipais que faziam patrulhamento pelo parque Maria do Socorro, região Noroeste de BH, tiveram uma surpresa desagradável no final da noite desta sexta-feira. Segundo informações ao chegarem próximo ao setor III do parque perceberam a presença de vários homens, ao verificarem que os agentes se aproximavam um deles sacou uma arma e efetuou vários disparos em direção aos guardas, por muita sorte nenhum deles foi atingido. Nesse caso a escuridão do local pode ter sido fator decisivo para que os disparos não atingissem os agentes, como o local é de fácil acesso os homens evadiram-se rapidamente. Viaturas da Guarda Municipal e da Polícia Militar, estiveram no local e realizaram vários rastreamentos a procura do possível autor dos disparos e dos homens que estavam com ele, mas ate o início da madrugada ninguém havia sido encontrado. Os cartuchos da arma também não foram localizados, o que pode determinar que os disparos provavelmente poderiam ser de um revolver e não de uma pistola automática, ainda segundo os agentes o local seria muito freqüentado por traficantes de drogas da região, e a possibilidade de venda no parque não foi descartada, A ocorrência foi encerrada no local.

Guarda Municipal: Menor detido com Drogas



A DROGA SEGUIRIA PARA TRÊS CORAÇÕES, SUL DE MINAS.
A Guarda Municipal de Belo Horizonte deu mais um duro golpe no tráfico de drogas, desta vez mais de 600 pedras de Crack foram encontradas com dois jovens na Rodoviária da capital. Os dois se preparavam para embarcar com a droga para a cidade de Três Corações, Sul de Minas, quando foram abordados pelos agentes. Segundo os guardas municipais, um dos homens foi visto deslocando entre as plataformas de embarque, ele demonstrava grande nervosismo.A guarnição de serviço passou a acompanhar o rapaz, que subiu uma escada sentido ao setor de espera onde permaneceu sentado em um cadeira por aproximadamente 50 minutos, em seguida outra rapaz apareceu. Eles fizeram contato e em seguida deslocaram rapidamente para a plataforma F1, setor de embarque, toda a situação foi acompanhada pelos agentes que perceberam a pressa dos jovens em embarcar no ônibus.Os Guardas Municipais agiram rápido e abordaram os homens, foi realizada uma busca e foi encontrado dentro de um boné, no interior de uma mochila, 605 (seiscentos e cinco) invólucros de CRACK, um celular Sony Ericsson, R$54,75 em moeda corrente e duas passagens.Os autores relataram que tinham recebido a substância na praça sete e que iriam entregar a uma mulher na rodoviária da cidade de Três Corações, recebendo R$500,00 pelo serviço.A dupla foi encaminhada para o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional de Belo Horizonte, onde foram autuados em flagrante.

Guarda Municipal apreende drogas.



DESTA VEZ MAIS 107 PEDRAS DE CRACK FORAM APREENDIDAS ...
O terminal rodoviário da capital se tornou rota de embarque para traficantes de drogas que atuam na região metropolitana, e os destinos mais procurados por eles são cidades do interior do estado, onde o policiamento é menor e a facilidade para o desembarque dos entorpecentes muitas vezes se torna tranqüilo. Essa situação já conhecida pela força pública de segurança no município está com seus dias contados, diariamente agentes da Guarda Municipal patrulham o local para dar maior segurança aos usuários, estes estão acabando com essa modalidade de crime colocando atrás das grades traficantes que tentam de alguma forma usar o terminal como meio de transição das drogas. O comprometimento é tanto que em menos de uma semana foram encontradas mais de 700 pedras de Crack, coroando o belo trabalho realizado ali. A última apreensão registrada foi nesta sexta – feira, quando a guarnição de serviço no local percebeu a presença de dois menores em atitude suspeita. A dupla acabara de adquirir passagens da empresa Gardênia para uma cidade do interior do estado e ao perceber a presença da Guarda Municipal se deslocaram para a área externa do terminal. Eles só não contavam com a inteligência dos agentes que foram até o guichê da empresa e verificaram o horário de embarque dos rapazes. Segundo os GM’s, por volta das 22:20, eles retornaram ao terminal e desceram rapidamente pela plataforma G, onde foram interceptados. Ao realizarem a abordagem de rotina os guardas encontraram na calça de um dos menores 107 pedras de Crack, R$22,00 em moeda corrente, 23 sacolinhas plásticas para embrulhar a droga e uma pequena tesoura. Os menores disseram que vieram da cidade de Barão de Cocais e que iriam entregar a droga em duas cidades do interior, eles foram apreendidos e encaminhados até o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional da capital, onde foram autuados em flagrante. Para muitos o reconhecimento vem com o esforço e trabalho, trabalho visto ali pela população que transita nas idas e vindas, que se sente segura e protegida com a presença dos agentes da Guarda Municipal. Muitas coisas mudaram, e a vocês agentes do crime deixo um recado “deu mole” a Guarda Municipal prende mesmo.

TRISTEZA E COMOÇÃO NO ENTERRO DO GUARDA MUNICIPAL ASSASSINADO

CENTENAS DE PESSOAS FORAM PRESTAR A ULTIMA HOMENAGEM
Foi sepultado no fim da manhã desta quarta-feira, o corpo do agente da guarda municipal, Wiler Robert de Castro, 30 anos, ele foi assassinado quando se preparava para entregar pães da padaria que era proprietário, no bairro lagoa, em venda nova. Centenas de pessoas foram ao cemitério da Paz para prestar a ultima homenagem, o clima como não poderia deixar de ser, era de muita tristeza,
comoção e revolta. Ele foi enterrado com honras militares e ao som do toque de silêncio, o que comoveu os presentes. Os agentes que foram até o cemitério conversaram com a imprensa e pediram mais prioridade por parte do governo nos assuntos de segurança pública, em seguida foram até a porta da prefeitura onde realizaram um pequeno protesto e uma oração em homenagem ao amigo. Muitos também falaram sobre o agente Wiler, e o que ficou evidente é que ele era um bom profissional e querido por todos. A família agradeceu o apoio dos presentes e também de todos aqueles que em pensamento pediram para seu ente querido.Mais uma vez reforço a solidariedade prestada por todos, desejo a família que tenha muita força e peço que a cada dia sejamos mais unidos.

Guarda Municipal é assassinato em posto de Serviço



CURITIBA - Um guarda municipal que fazia a segurança do Centro Municipal de Urgências Médicas da Cidade Industrial de Curitiba (CIC) foi assassinado na noite desta quinta-feira diante de aproximadamente 45 pessoas que estavam no local. Baleado com um tiro na cabeça e dois no peito, Aparecido José de Souza, de 57 anos, ainda chegou a ser socorrido no próprio posto de saúde, mas não resistiu aos ferimentos.
De acordo com a Polícia Militar (PM), o crime ocorreu por volta das 21h30m. Um homem entrou na unidade de saúde, caminhou em direção ao guarda municipal, que estava na recepção, e após atirar três vezes contra a vítima, fugiu sem levar nada. De acordo com a assessoria de imprensa da secretaria municipal da defesa social, médicos ainda tentaram reanimá-lo, mas ele entrou em óbito pouco antes das 22h30m.
Ainda não há suspeitas sobre os motivos ou a autoria do crime. Souza era guarda havia 15 anos, era casado e deixa quatro filhos. Segundo a prefeitura, a segurança das instituições públicas municipais é feita por escala, de modo que ele trabalharia apenas nesta semana no Centro Municipal de Urgências Médicas da CIC, que funciona 24 horas por dia.
Segundo a secretaria municipal de saúde, o atendimento no posto teve de ser suspenso entre 21h30m de quinta e 7 horas desta sexta-feira para o trabalho de perícia da Polícia Científica. Os pacientes que precisaram de atendimento médico neste período e estavam ou procuraram o local foram encaminhados para o Hospital da Cruz Vermelha.

Expofenita e a Guarda Civil Municipal de Itabuna.

A maior festa da Região Sul Grapiunense Expofenita, tem a presença da Guarda Civil Municipal de Itabuna. Sendo prioridade desta corporação a preservação da ordem publica, prevenção ao vandalismo em instalações publicas, intermediação de crise e atividades previamente ordenadas pelo sua Secretária de Administração Municipal, compreendendo assim, o efetivo desta corporação foi convidado a prestar serviços no interior da Expofenita.
Tivemos a presença de turistas inter-regionais, prestigiando eventos que alternados, ficando o Parque Antonio Setenta aberto a visitação até o próximo dia 06/10.
As Policia Militar e Civil, tiveram presença marcante em manter a sobrevida de presentes com intuito de curtir este momento com sua família, e detendo aqueles afins de vandalizar.
A Guarda Municipal por sua vez estando em todo o momento disposta a auxiliar as policias, fez e continuará fazendo um ótimo serviço, não deixando a desejar em nenhum momento.

Aos Guardas Civis Municipais,

Queridos amigos, estamos de parabéns. Sem nenhuma anormalidade detectada, ficaremos firme em nossas atividades, para não fazermos aquelas atividades não inerentes ao nosso oficio.

Guarda Municipal usa sim Arma letal e Não Letal - Afirma Secretário de Segurança de São Paulo.

Apenas metade dos guardas-civis metropolitanos que realiza as atividades de proteção “em instalações públicas e em locais de uso publico” em São Paulo poderá portar arma de fogo a partir desta terça-feira (22). A outra metade terá de utilizar arma não letal. A decisão do secretário municipal de Segurança Urbana, Edsom Ortega Marques, foi publicada na edição desta terça no Diário Oficial do município de São Paulo. O presidente do sindicato da categoria, Carlos Augusto Souza Silva, considerou a medida “um equívoco”. O secretário municipal da Segurança Pública, por sua vez, afirmou que o propósito da decisão "é usar o armamento adequado para o local e momento adequados", e não o desarmamento da Guarda Civil. saiba mais Criminosos trocam tiros com guardas-civis na região da Cracolândia Camelôs ilegais enfrentam GCM e PM com paus, pedras e fogo no Ipiranga Base da GCM no Centro de SP está sem luz há quase dois dias Dentre as justificativas apresentadas na portaria está o fato de os locais e as atividades protegidas pela Guarda Civil Metropolitana serem considerados “de baixo risco, sobretudo em determinados dias e horários”. Desta forma, a decisão tem “o objetivo de mitigação de riscos à população causados pela utilização de armas de fogo em locais públicos e, logo, privilegiar-se a utilização de armas não letais”. No dia 31 de agosto, uma adolescente de 17 anos morreu na favela de Heliópolis, na Zona Sul de São Paulo, depois de ter sido atingida por bala perdida disparada por um guarda-civil municipal de São Caetano do Sul, no ABC, durante uma perseguição. E na semana passada outro guarda-civil metropolitano, desta vez de Guarulhos, na Grande São Paulo, se envolveu em um tiroteio dentro de um ônibus que estava sendo assaltado. Um passageiro de 18 anos foi baleado e morreu. Para Carlos Augusto, os dois episódios fatídicos pesaram para a publicação da portaria. “O secretário se baseou nestes dois fatos (para tomar esta decisão). É um equívoco. O (índice de) letalidade (número de mortes decorrentes de ações) dos quardas-civis de São Paulo é baixíssimo em comparação, por exemplo, ao da Polícia Militar. Em 23 anos, (a Guarda Civil) não matou 23 pessoas”, contestou. Ortega, em contrapartida, negou qualquer influência destas ocorrências em sua decisão. "Fizemos há solicitação desta verba há um ano e iniciamos o procedimento de compra (dos sprays de gás de pimenta) há quatro anos. E letalidade não significa situação de morte. Significa, sim, poder de fogo, capacidade de causar maior ou menor dano", explicou. O primeiro lote de 7.000 sprays adquiridos pela secretaria foram entregues nesta segunda-feira (21) ao comando da Guarda Civil Metropolitana. Segundo o sindicalista, a única arma não letal disponível para os guardas-civis seriam justamente estes sprays de gás de pimenta. “Seria necessário a realização um estudo de onde e em que situação pode se utilizar um produto desses. Em uma cidade violenta como São Paulo, é complicado mandar o guarda para a rua apenas com o gás de pimenta”, disse. O secretário defende o uso do gás de pimenta, mesmo em uma cidade como São Paulo. "É classificado como arma e não é a primeira vez que é utilizado pela guarda. O rumo que as principais cidades do mundo estão tomando é oferecer diferentes tipos de armas não letais. É claro que cada situação tem de ser analisada. Não é recomendável, por exemplo, um guarda-civil andar desarmado no Parque do Carmo (Itaquera, Zona Leste de São Paulo) à noite", explicou. Pela portaria, os guardas-civis teriam de andar em duplas ou em equipes, sendo que no mínimo um deles portaria arma de fogo, enquanto os demais utilizariam a arma não letal. A portaria prevê que, dependendo da situação, todos os guardas-civis envolvidos em determinada operação poderão utilizar armamento de fogo. Mas a decisão será conjunta entre a secretaria municipal responsável pelo evento com o comando da GCM. Além disso, o guarda-civil “que tenha efetuado disparo de arma de fogo poderá usar arma não letal no período em que ficar com restrição ao uso de armas de fogo, salvo se ficar igualmente com restrição a atividades operacionais”. "Um ponto importante que precisa ser destacado com esta portaria é que os guardas que estão afastados porque foram reprovados em avaliação psicológica ou na prova prática com arma de fogo poderão retornar as atividades de proteção do patrimônio público ou em eventos utilizando o spray de gás de pimenta", completou o secretário. De acordo com o presidente do sindicato, a estrutura curricular na formação dos guardas-civis atende às exigências estabelecidas pelo Ministério da Justiça e que estes são submetidos de dois em dois anos à avaliação psicológica.

Guarda Municipal passa a poder multar infrações de trânsito em Belo Horizonte

A partir desta quinta-feira, a Guarda Municipal reforça o combate às infrações de trânsito em Belo Horizonte. O papel e a caneta agora são instrumentos do dia a dia dos guardas municipais. Cento e trinta agentes, que já atuavam na fiscalização, controle e orientação do trânsito, podem também multar motoristas infratores. O trabalho é em conjunto com a BHtrans e com a Polícia Militar.
Segundo a prefeitura, há mais de um ano, os guardas recebem preparo técnico e psicológico para o novo trabalho. Em julho do ano passado, o Ministério Público entrou com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade contra a permissão para a guarda municipal aplicar multas.
A argumentação do Ministério Público é de que o dever da Guarda Municipal é proteger os bens, serviços e instalações dos municípios. Segundo o Tribunal de Justiça do Estado, o não há data prevista para o julgamento do processo.

Rede Globo X Guardas Civis Municipais do Brasil

Guarda Municipal fazendo trabalho Comunitário.

A componentes da Guarda Municipal de Itabuna, pratica trabalho comunitário desde 2004. O Guarda Portella, mestre na arte marcial Karate faixa preta, ensina esta arte para moradores do bairro Fonseca e adjacentes, seus alunos tem uma idade média de 16 anos. Portella leciona no Sitio do Menor da Fundação Marimbeta.
Os alunos aprendem a ter disciplina para consigo mesmos, sendo também um multiplicador dos bons hábitos ensinados pelo mestre. Moradores da área confirmam que, depois do ingresso de seus filhos nesta aula, seus hábitos tem melhorado.


Aos Guardas Civis Municipais;

Amigos, vamos seguir o exemplo deste nobre e honrado Guarda Portella. Assim, mostraremos que não somos simplesmente servidores públicos, somos mais do que isso, somos munícipes itabunenses e queremos que nossas crianças tenham uma perspectiva de vida melhor.

GUARDAS MUNICIPAIS DE TODO BRASIL DEMONSTRA INDGNAÇÃO CONTRA O APRESENTADOR DA REBE BANDEIRANTES, DATENA

Considerações sobre a realidade da Segurança Pública do país Saudações amigo Naval, os Guardas Municipais de Tubarão - SC, ficam entristecidos ao vivenciar alegações desnecessárias por parte do apresentador da rede Bandeirantes, Datena. Não queremos justificar as ações dos Guardas Municipais, mas não podemos fechar os olhos e deixar de apresentar a realidade da segurança pública no país. Este conteúdo é muito mais amplo do que as infelizes alegações desse apresentador que não tem respeito com a categoria. A profissão dos agentes de segurança pública, como um todo, é muito desgastante, visto que temos que lidar diariamente com situações de conflito, violência, morte, além de pequenos atritos inerentes ao serviço.Fatalidades ocorrem em todas as corporações. Em Tubarão - SC, a PM, no dia 28 de agosto, numa abordagem acabou efetuando golpes violentos que posteriormente culminaram na morte brutal de um jovem trabalhador que não tinha passagem pela polícia.
Em outro caso, um policial fora de serviço em nossa capital Florianópolis, efetuou disparos num desentendimento que resultou na morte de um jovem. Também em Santa Catarina, quando a Guarda Municipal de Florianópolis fazia o acompanhamento de um motociclista infrator, a PM efetuou vários disparos contra os pneus da motocicleta, mas uma projétil acabou atingindo a cabeça do rapaz; a polícia civil investiga o fato. Citei apenas fatos mais recentes, mas temos vários envolvendo PMS, todos nós sabemos disso. Enfim, operações que acabam tragicamente são corriqueiras, a exemplo das que foram citadas, mas apesar disso tudo, não se fala em acabar com a Polícia Militar.
Então o que se analisa diante disso é que se trata de uma instituição que por ter se perpetuado no tempo, e que mesmo cometendo excessos, estes são tolerados, não por serem piores ou não, mas simplesmente por já estarem estabilizados no senso crítico da população.Cada caso tem que ser analisado conforme suas peculiaridades, não cabendo a qualquer um, precipitadamente, fazer um julgamento instantâneo com base em informações transmitidas por uma mídia seletiva.
Sendo injusto generalizar o comportamento de uma determinada situação rebaixando toda uma classe.Disse o apresentador, em uma de suas falas, “tem que acabar com essa Guarda Municipal.” Como se o problema da insegurança fosse resolvido. A Guarda Municipal exerce papel indispensável, pois o sistema atual de segurança pública é ineficiente, haja vista a crescente taxa de criminalidade. Diante da segurança precária que o Estado oferece surgiram as Guardas Municipais, se moldando às comunidades em que se inserem, conhecendo suas necessidades e atuando de forma direta com os cidadãos.
A Guarda Municipal preenche então, uma lacuna do sistema, um espaço deixado que as outras instituições não puderam suprir. Tendo em vista, também, o fato de a municipalização da polícia ser uma tendência mundial, a exemplo do que acontece em outros países como nos Estados Unidos.Porém, encontra-se nesse contexto a resistência das pessoas a aceitar o que é novo. Sendo que a maioria das rejeições é baseada no comodismo, as pessoas só aceitam novidades quando estas são impostas por novas normas regulatórias. Caso contrário, se sentem ressentidas, e então o que é novidade passa a ser alvo de desconfiança e críticas.
Isso nos remete a acreditar que a crítica feita se trata então, de um subterfúgio para atingir ao que é novo. E a mídia, como forma de reavivar o clamor público e chamar a atenção do telespectador, traz um novo título a acontecimentos que já se tornaram comum a outras corporações, colocando como novidade o nome de outra instituição: A Guarda Municipal. Então se analisa que não se trata da crítica do fato puramente, se trata da rejeição ao que é novo. Caso contrário, como então iriam se explicar todos os outros casos que ocorrem, em outras corporações, mas que não são arrebatados dessa maneira?Em nossa cidade o comando da PM também critica muito a ação da GM, mas frequentemente entra em contato com nossa central, passando serviço por falta de efetivo, em alguns casos orientam o solicitante que procure a Guarda Municipal.
Na mídia alegam opinião desfavorável, dizem que não temos competência para executar o trabalho que fazemos, mas no dia a dia nos encaminham ocorrências. Não querem que a GM trabalhe no trânsito, mas não disponibilizam pessoal para a travessia de escolares. Afinal o que querem? O monopólio! O controle! E a sociedade que arque com as conseqüências? O que precisamos de fato é de investimento local, de um novo modelo de polícia para que a função possa ser exercida com dignidade e eficiência. Sempre pensando no que é melhor para a sociedade, e não no comodismo desta ou daquela instituição.
Por Davi

A LUTA NÃO PÁRA AQUI - VAMOS INFORMAR A MÍDIA...MOVIMENTO AZUL MARINHO

EM DEFESA DAS GUARDAS MUNICIPAIS, MOVIMENTO AZUL MARINHO.
Segue texto que muito tem ajudado neste MOVIMENTO AZUL MARINHO com objetivo de fortalecer a MÌDIA em relação ao combate às informações difamatórias que vem sendo levada à sociedade brasileira sem o devido conhecimento de causa pela Rede Globo, Rede Bandeirantes e outras emissoras e veìculos de comunicação que simplesmente repetem as informações.Se voce ainda não aderiu ao MOVIMENTO AZUL MARINHO, faça agora mesmo, envie emails aos órgãos da imprensa em geral, para municiarmos estes pseudos formadores de opiniões com dados importantes e concretos, afim de pararem de dar publicidade a opiniões de pessoas que falam embasados em meras e simples experiências falidas e arcaicas.VAMOS REAGIR, abraços, Naval.(após enviar email, envie para o site www.guardasmunicipais.com.br, para emgrossar o movimento, meu e-mail é naval153gm@ig.com.br)>>>>>>>>>>>>Guarda Municipal é polícia de direito e de fatoRecentemente vemos diversos PM’s se julgando especialistas no assunto, gerando entrevistas e artigos falando das Guardas, sem nenhum dado técnico, somente com meras expressões pessoais e com a clara intenção de promover uma infame campanha para denegrir a imagem dos Guardas Municipais como policiais. O que temos a esclarecer é que a GCM é POLICIA de fato e de direito pelos seguintes órgãos:
1° - Pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo em mais de 900 Acórdãos que são decisões de 2° instancia, em casos de prisões realizadas por GCM’s, nas quais nossos Juízes Desembargadores decidiram que o GCM é policial e tem o dever de atender ocorrências policiais de roubo, furto, trafico de drogas e outras e que o depoimento do GCM goza de legitimidade tanto quanto o depoimento de outros policiais (Acórdãos TJ – SP n°’s: 02083138, 02083466, 02088024, 01988357).
2° - Pelo DEIC – Policia Civil que em matéria jornalística sobre os primeiros ataques do PCC em 2/12/2003, afirmou que a GCM é órgão da hierarquia policial.
3° - Pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) que afirma que o GCM é policial portanto está impedido de exercer advocacia.
4° - Pelo Ministério do Trabalho que regulamentou a profissão de GCM como função policial, incluindo no Código Brasileiro de Ocupações CBO (2008) sobre o código 5172-15 (funções policiais) e traz em a descrição diversas atividades policiais, tais como: Efetuar Prisões em Flagrante; Prevenir Uso de Entorpecentes; Realizar Operações de Combate ao Crime Em Geral; Transportar Vítimas de Acidentes; Prestar Segurança na Realização de Eventos Públicos; Escoltar autoridades; Promover Segurança nas Escolas e imediações; Fazer Rondas Ostensivas em Áreas Determinadas; Deter Infratores para a Autoridade Competente; Abordar Pessoas com fundadas suspeitas.
5° - Pelo Ministério da Justiça através do Estatuto do Desarmamento (lei 10.826/03) que considera a GCM como órgão policial, e exige formação policial com no mínimo 640 horas, Corregedoria, Ouvidoria, exames periódicos e cursos de aperfeiçoamento anual.
6° - Pelos Juizes e Promotores que validam a função policial da GCM, dizendo que o GCM exerce função semelhante as do PM, sendo imprescindível que ande armado para defender os munícipes e a si próprio (processos: n° 050.04.081810-1, n° 050.04.065947-0, n° 050.04.025797-5 e n° 050.05.003739-0).
7° - Pelo Metro (resolução 150/87) ao conceder isenção de passagens aos GCM’s por afirmarem ser o GCM policial do município.
8° - Pelo Presidente do TJ SP que proibiu a greve dos GCM’s de São Paulo por serem funcionários policiais.
9° - Pela correta interpretação do artigo 144 da CF, principalmente no que diz seu parágrafo 9°, que afirma que todos os órgãos citados no artigo 144 são órgãos policiais o que inclui a GCM.Sendo assim é inquestionável o poder de polícia dos Guardas Municipais o que existe na realidade é uma ação dos oficiais da PM que consideram as Guardas como CONCORRENTES FUNCIONAIS e tem na realidade medo de perder espaço político, poder e status, e se preocupam mais em denegrir a imagem das Guardas do que cuidarem do próprio quintal, pois se as Guardas cada vez mais se firmam como órgãos policiais é por culpa da ineficiência da Policia Militar em cumprir com suas obrigações constitucionais, ou seja as Guardas existem porque a PM não faz sua lição de casa ou será que estamos em uma sociedade sem crimes e sonegada. O medo é cada vez maior na sociedade que está a mercê dos bandidos isto é culpa das falhas constantes da PM, portanto não só no aspecto legal mas até no aspecto moral fica difícil de algum oficial da PM falar mal das Guardas Municipais. Eziquiel Edson Faria é presidente da Abraguardas - Associação Brasileira dos Guardas Municipais. Fonte: www.guardasmunicipais.com.br - Por NAVAL

Ataque contra Guarda Municipal deixa três feridos em Sorocaba

SOROCABA - Uma base da Guarda Municipal de Sorocaba, a 92 km de São Paulo, foi atacada com tiros, na madrugada deste sábado, 20. Três guardas ficaram feridos, um deles em estado grave. O ataque ocorreu na base situada no bairro Ana Paulo Eleutério, na zona norte da cidade, pouco antes da troca de turno dos guardas.
Quatro homens armados invadiram o prédio e abriram fogo contra os três agentes públicos que estavam no local, entre eles uma mulher. Eles fugiram em seguida levando as armas e um colete à prova de balas das vítimas. Um guarda que estava fora do prédio avisou a polícia.
As três vítimas foram levadas para o Hospital Regional e submetidas a cirurgias. A guarda feminina sofreu lesão na medula e seu estado era considerado grave no final da tarde de ontem. O prefeito Vitor Lippi (PSDB) disse ter ficado chocado com o ataque, pois a função dos guardas era proteger um conjunto de casas em fase final de obras para serem entregues à comunidade. Até a noite de ontem os autores dos crimes não tinham sido identificados.

Regulamento da Guarda Civil Municipal de Itabuna


Na ultima semana, a Câmara de Vereadores de Itabuna reconheceu a existência do Regulamento da Guarda Civil Municipal de Itabuna, onde dentre outras coisas descrimina o plano de carreira para todo o efetivo. Desde já informo aos queridos Guardas, fiquemos atentos, tão logo, estamos agora sendo regidos por um REGIMENTO. Agora podemos exigir com base em algo, porém, seremos exigidos.
Aos Guardas Municipais;
Queridos, este blog foi idealizado com fins de abrir uma porta para todos. Esta oportunidade é para todos, até de forma anônima possa expressar seus sentimentos sobre as postagens. Sendo assim, por favor evitem comentários de baixo calão.

GUARDA MUNICIPAL DE ATIBAIA JÁ FAZ POLICIA MUNICIPAL

Guarda Municipal de Atibaia - Mega operação de segurança pública em Atibaia; objetivo era coibir roubos.A relativa facilidade para fuga a partir de seus mais de 60 acessos, tem feito de Atibaia alvo de ações de bandidos de diversas cidades. Coibir a incursão de assaltantes e prender aqueles que ainda insistem nessa prática foram os objetivos da mega-operação desencadeada pela polícia na quinta-feira, em diversos pontos do município.
Agentes da Polícia Civil, da Guarda Municipal, da Polícia Militar e das policias rodoviárias Federal e Estadual, organizaram bloqueios em alguns dos acessos ao município. Carros, caminhões, ônibus e motos foram parados, revistados e a documentação, tanto dos veículos quanto dos motoristas, foi averiguada.Pela manhã, os policiais concentraram-se na Lucas Garcês, próximo ao trevo da rodovia Fernão Dias, no bairro do Ribeirão.
Segundo o delegado titular de Atibaia, Sebastião Alves de Oliveira, esse local costuma ser utilizado como rota de fuga de assaltantes, principalmente aqueles que agem na chamada ‘saidinha de banco’.O delegado disse ainda que a ação em Atibaia coincide com uma grande varredura organizada pela Polícia Civil em diversos pontos do Estado, para cumprir mandados de prisão e checagem de denúncias de tráfico de drogas.Ainda na quinta-feira, os grupos se deslocaram para a região da avenida Flávio Pires de Camargo, no acesso ao bairro Caetetuba, mas foram mantidos bloqueios também nas avenidas São João, próximo ao trevo da rodovia D.Pedro I e Jerônimo de Camargo, na altura do Jardim dos Pinheiros.
Homens da Polícia Rodoviária Federal agiram na Fernão Dias, onde concentraram as ações na fiscalização de cargas e tráfico de drogas e armas.O secretário de Segurança Pública de Atibaia, Fábio Magro, admitiu que a situação geográfica do município dificulta o policiamento, mas afirmou que as ações conjuntas tem grande eficiência para reduzir os índices de criminalidade na cidade. “Bloqueios como este inibem a intenção de criminosos que, ao perceber que a polícia e a Guarda Municipal estão atentas e ostensivas nas ruas, acabam se intimidando e recuando porque sabem que serão presos se agirem por aqui”, afirmou o secretário.

2.100 Vagas PM-PE

A Secretaria de Administração e o Secretaria de Defesa Social, torna pública a abertura de Concurso Público destinado ao preenchimento de 2.100 vagas para ingresso na carreira de Soldado da Polícia Militar de Pernambuco.
As inscrições serão realizadas no período de 4 de setembro a 4 de outubro de 2009, exclusivamente, através do endereço eletrônico
www.upenet.com.br, mediante pagamento da Taxa de Inscrição, no valor de R$ 80,00, pagável nas casas lotéricas da Caixa Econômica Federal.
Das Etapas:
O Concurso Público será realizado através de Exame de Conhecimentos de caráter eliminatório e classificatório; Exames de Aptidão Física de caráter eliminatório; Exames Médicos de caráter eliminatório; Avaliação Psicológica de caráter eliminatório; e Curso de Formação Profissional de Soldado da Polícia Militar com caráter classificatório e eliminatório.
A prova será realizada no Recife e Região Metropolitana e nos Municípios de Nazaré da Mata, Caruaru, Garanhuns, Serra Talhada e Petrolina e em sendo necessário serão também utilizados municípios circunvizinhos, devendo os candidatos optar no ato da inscrição pelo local de realização.
A prova terá início às 8h15 do dia 22 de novembro de 2009, sendo aberto os portões de acesso aos prédios em que serão realizados os exames às 7h00 e fechados impreterivelmente às 8h00.
O aluno que concluir o Curso de Formação, com aproveitamento, satisfeitos os demais requisitos previstos na Lei Complementar nº 108, de 14/05/2008, realizará um estágio probatório como Soldado da Polícia Militar. A ordem hierárquica de colocação dos Soldados da Polícia Militar resultará da classificação final e geral do Curso de Formação.
Durante o Curso de Formação Profissional será pago, a cada candidato participante, a título de Bolsa Auxílio Formação Profissional, o valor mensal de R$ 970,42.
Mais informações através do endereço eletrônico
www.pm.pe.gov.br.

Concurso Publico PM-SP, 2.000 Vagas

A Polícia Militar do Estado de São Paulo (www.policiamiliar.sp.gov.br), torna público a abertura das inscrições e a realização de Concurso Público de Provas e Títulos, destinado a selecionar candidatos visando ao preenchimento de 2.000 cargos, mais os que vierem a existir, obedecendo aos critérios da conveniência e oportunidade da Administração Pública, na graduação inicial de Soldado PM de 2ª Classe (Masculino), para o QPPM (Quadro de Praças Policiais Militares), em caráter de estágio probatório, que inclui o Curso de Formação de Soldado PM, na área territorial circunscricionada pelo Estado de São Paulo.
As inscrições deverão ser realizadas somente via Internet, no endereço eletrônico
www.vunesp.com.br, a partir das 10h00 de 1 de setembro até às 16h00 de 25 de setembro de 2009, o "link" correlato ao concurso público. O candidato deverá preencher a Ficha de Inscrição de forma correta e completamente, optando para realizar as Provas de Escolaridade (Partes I e II), em um dos Municípios de Bauru, Campinas, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, e Sorocaba.
Terá direito à redução de 50% do pagamento da taxa de inscrição o candidato que cumulativamente seja estudante regularmente matriculado em uma das séries do ensino; e perceba remuneração mensal inferior a 2 salários mínimos, ou estiver desempregado. O candidato que preencher cumulativamente essas condições, poderá solicitar a redução no período das 10h00 de 17 de agosto de 2009 às 23h59 de 18 de agosto de 2009, no site. Preencher e imprimir o requerimento, assiná-lo e entregá-lo pessoalmente ou fazer-se por procurador devidamente investido, na Divisão de Seleção e Alistamento da Diretoria de Pessoal da Polícia Militar do Estado de São Paulo, sito na Avenida Cruzeiro do Sul, nº 260 - 1º andar - sala 146, município de São Paulo-SP, no horário das 8h30 às 17h00, juntamente com os documentos comprobatórios, até o dia 21 de agosto de 2009.
O concurso público constará de Provas e Títulos, composta das seguintes etapas:
a) Prova de Escolaridade (Partes I e II) de caráter eliminatório e classificatório;
b) Prova de Condicionamento Físico de caráter eliminatório;
c) Exames Médicos de caráter eliminatório;
d) Exames Psicológicos de caráter eliminatório;
e) Investigação Social de caráter eliminatório; e
f) Análise de Documentos e Títulos de caráter eliminatório.
A Prova de Escolaridade será aplicada na data prevista de 15 de novembro de 2009, às 14h00 (horário de Brasília), na cidade de escolha do candidato. A confirmação da data e as informações sobre horário e local para a realização das provas serão divulgadas oportunamente por meio de edital de convocação a ser publicado no Diário Oficial do Estado (D.O.E.) - Poder Executivo - Seção I - Concursos.
O concurso público terá validade de 1 ano, a contar da data de sua homologação e poderá, a critério da Administração, ser prorrogado por igual período.

Concurso Publico para Guarda Civil Municipal

CONCURSO PÚBLICO GUARDA MUNICIPALEDITAL Nº 004/2009A Prefeitura Municipal de Campinas está realizando Concurso Público de Guarda Municipal, sob a responsabilidade técnica da UniversidadeMunicipal de São Caetano do Sul/CAIP-USCS.São 100 vagas previstas, sendo 80 para Guarda Municipal Masculino e 20 para Guarda Municipal Feminino.A remuneração mensal será formada pelo salário base de R$ 1.484,52 + 25% (adicional de risco de vida) = R$ 1.855,65. As inscrições estarão abertas durante o período de 24/08 a 30/09/2009.Para se inscrever, os candidatos deverão ler o Edital de Abertura, através dos endereços eletrônicos www.caipimes.com.br e/ou www.campinas.sp.gov.br.Após certificar-se de que possui todos os requisitos (ver atentamente o Capítulo III do Edital), é necessário preencher a ficha de inscrição (pela internet) e pagar a taxa no valor de R$ 40,00, em qualquer banco.
Os candidatos que quiserem obter o benefício da isenção do pagamento da taxa de inscrição, conforme Lei Municipal nº 13.550/09 deverão proceder de acordo com Capítulo V - itens 13 a 15 do Edital.

FASES DO CONCURSO

1ª Prova Objetiva, de conhecimentos gerais e específicos, de caráter classificatório e eliminatório.

2ª Exame Antropométrico, de caráter eliminatório.

3ª Teste de Aptidão Física, de caráter classificatório e eliminatório.

4ª Avaliação Psicológica específica para o cargo, de caráter eliminatório.

5ª Exame Médico específico para o cargo, de caráter eliminatório.

6ª Pesquisa Social, de caráter eliminatório.

7ª Curso de Formação da Academia da Guarda Municipal, de caráter eliminatório.

Guarda Civil Municipal captura procurado pela Justiça

Em patrulhamento pela região central de Guarulhos nessa quarta-feira a equipe da Ronda Bike se depararou com indivíduo em atitude suspeita. O mesmo estava enrolando um possível cigarro de maconha quando foi abordado pela GCM, feito a averiguação de praxe e comunicado ao GCOM (Central de Comunicação da Guarda) os dados pessoais do rapaz, foi fornecido a informação de que o mesmo se tratava de Anderson Henrique Gomes procurado pela Justiça no Estado de Minas Gerais com mandado de prisão em aberto, artigo 155 do CP. O rapaz foi encaminhada ao 1ºDP onde foi ratificado a voz de prisão pela autoridade policial.Parabéns à equipe da Ronda Bike que vem a cada dia que se passa apresentando um ótimo trabalho nas rua de Guarulhos, fornecendo assim maior sensação de segurança a nossa população e aos GCM's da sala rádio (GCOM) pelo comprometimento e empenho no qual tem se dedicado ao desenrolar das ocorrências.

Guarda Civil Municipal troca tiro com bandido dentro de ônibus

Um tiroteio dentro de um ônibus em Guarulhos, na Grande São Paulo, terminou com a morte de um jovem de 18 anos e um bandido na noite de terça-feira (15). Criminosos anunciaram o assalto e um guarda-civil da capital que estava no veículo reagiu. Além do passageiro e do bandido mortos, outro passageiro ficou ferido e permanece no hospital.Segundo a polícia, três homens armados fingiram ser passageiros e entraram no ônibus em um ponto na Rodovia Presidente Dutra, por volta das 19h30. Pelo menos 40 pessoas estavam no ônibus, que faz a linha Armênia-Guarulhos. Os ladrões renderam primeiro o motorista e depois foram até o cobrador. Um dos bandidos pulou a catraca e começou a roubar os passageiros, que estavam na parte de trás. Um guarda-civil reagiu ao assalto. “Muito alvoroço na hora do tiroteio, muita gritaria, muito pânico. Na hora do tiroteio, como eu estava na linha de tiro, no primeiro estampido que escutei eu já me joguei no chão do ônibus”, contou o cobrador Carlos Ferreira. Um dos ladrões atirou três vezes na direção do motorista para forçá-lo a abrir a porta. Nenhum dos disparos o acertou. O motorista parou o ônibus no meio da rodovia e dois dos homens fugiram a pé. Um dos passageiros feridos morreu no hospital. Ele pegava todos os dias o mesmo ônibus para voltar do trabalho. “É horrível, parecia um pesadelo, assim, de repente. Ele era um cara legal, trabalhador, bacana. Um cara que gostava de cantar, tocar violão, muito gente boa”, contou Marco Marinho da Cruz, amigo da vítima.

Definição: Guarda Civil Municipal

Estive visitando o Site Enciclopédia Wikipédia, para saber como ele define esta profissão. Porém, fiquei surpreso ao vêr sua definição, informando sobre o poder de POLICIA. Ou seja, um site de grande reputação fala que temos o poder de policia, mas, uma minoria de pessoas insiste em dizer que não temos este poder.
Contudo, tal poder deverá ser usado com sabedoria, por isso queridos internaltas, informo a todos de primeira mão, a Guarda Civil Municipal de Itabuna-BA estar dotada deste poder e o nosso “livro de regras; direitos e deveres”, que abrange todas as nossas formas de agir, dentro e fora de nosso quartel já está sendo usado. Foi aprovado pela Câmara dos Vereadores. Onde também, neste manual informa das penalidades e regalias.
Estar próximo agora queridos amigos, o dia em de lembrar-mos de um passado triste e usufruir o gozo de bons ares.

DO PORTE DE ARMA DA GUARDA MUNICIPAL

DO PORTE DE ARMA DA GUARDA MUNICIPAL
O artigo 6º., inciso IV, da Lei n. 10.826/03 (Estatuto do Desarmamento), prevê que:É proibido o porte de arma de fogo em todo território nacional, salvo para os casos previstos em legislação própria e para:
[...]
IV. Os integrantes das guardas municipais dos Municípios com mais de 50.000 (cinqüenta mil) e menos de 500.000 (quinhentos mil) habitantes, quando em serviço.
[...]
§3º. A autorização para o porte de arma de fogo das guardas municipais está condicionada à formação funcional de seus integrantes em estabelecimentos de ensino de atividade policial, à existência de mecanismos de fiscalização e de controle interno, nas condições estabelecidas no regulamento desta Lei, observada a supervisão do Ministério da Justiça (destaques nossos).
O Decreto n. 5.123/04, que regulamentou o Estatuto do Desarmamento, determina ainda inúmeros requisitos prévios ao porte de arma da Guarda Municipal, podendo-se citar os seguintes artigos:
Art.34, §1º. As instituições mencionadas no inciso IV do art.6° da Lei n° 10.826, de 2003, estabelecerão em normas próprias os procedimentos relativos às condições para utilização, em serviço, das armas de fogo de sua propriedade.
Art.36. A capacidade técnica e a aptidão psicológica para o manuseio de armas de fogo, para aos integrantes das instituições descritas nos incisos III, IV, V, VI e VII do art.6° da Lei n° 10.826, de 2003, serão atestadas pela própria instituição, depois de cumpridos os requisitos técnicos e psicológicos estabelecidos pela Polícia Federal.
Art.40. Cabe ao Ministério da Justiça, diretamente ou mediante convênio com as Secretarias de Segurança Pública dos Estados ou Prefeituras, nos termos do §3° do art.6° da Lei n°10.826, de 2003:
I.conceder autorização para o funcionamento dos cursos de formação de guardas municipais;
II.Fixar o currículo dos cursos de formação;
III.Conceder Porte de arma de Fogo;
IV.Fiscalizar os cursos mencionados no inciso II;
V.Ficalizar e controlar o armamento e a munição utilizados.
Parágrafo único. As competências previstas nos incisos I e II deste artigo não serão objeto de convênio.
Art.42. O Porte de Arma de Fogo aos profissionais citados nos incisos III e IV, do art.6°, da Lei n° 10.826, de 2003, será concedido desde que comprovada a realização de treinamento técnico de, no mínimo, sessenta horas para armas de repetição e cem horas para arma semi-automática.
§1°. O treinamento de que trata o caput deste artigo deverá ter, no mínimo, sessenta e cinco por cento de conteúdo prático.
§2°. O curso de formação dos profissionais das Guardas Municipais deverá conter técnicas de tiro defensivo e defesa pessoal.
§3°. Os profissionais da Guarda Municipal deverão ser submetidos a estágio de qualificação profissional por, no mínimo, oitenta horas ao ano.
§4°. Não será concedido aos profissionais das Guardas Municipais Porte de Arma de Fogo de calibre restrito, privativos das forças policiais e forças armadas.
Art.43. O profissional da Guarda Municipal com Porte de Arma de Fogo deverá ser submetido, a cada dois anos, a teste de capacidade psicológica e, sempre que estiver envolvido em evento de disparo de arma de fogo em via pública, com ou sem vítimas, deverá apresentar relatório circunstanciado, ao Comando da Guarda Civil e ao Órgão Corregedor para justificar o motivo da utilização da arma.
Art.44. A Polícia Federal poderá conceder Porte de Arma de Fogo, nos termos no §3o do art. 6o, da Lei no10.826, de 2003,às Guardas Municipais dos municípios que tenham criado corregedoria própria e autônoma, para a apuração de infrações disciplinares atribuídas aos servidores integrantes do Quadro da Guarda Municipal.
Parágrafo único. A concessão a que se refere o caput dependerá, também, da existência de Ouvidoria, como órgão permanente, autônomo e independente, com competência para fiscalizar, investigar, auditorar e propor políticas de qualificação das atividades desenvolvidas pelos integrantes das Guardas Municipais.
(destaques nossos)
Assim, com o advento do Estatuto do Desarmamento - Lei n. 10.826/2003 (e não com a Lei Municipal 5208/2001!!), tornou-se lícito o porte de arma para guardas municipais, desde que preenchidos certos requisitos. Tal porte abrange tanto o porte particular (pessoa física) quanto o porte funcional (pessoa jurídica).
No caso de Cachoeiro de Itapemirim – que possui mais de 50.000 e menos de 500.000 habitantes – os integrantes da Guarda Municipal passaram a ter direito aos portes pessoal e funcional, sendo que este é permitido apenas em serviço.
Entretanto, para que a Guarda Municipal venha efetivamente a exercer o seu direito do porte de arma, faz-se antes necessário preencher os requisitos legais.

NOTA URGÊNTE

Reunião Geral:
Dia: 18-09-2009
Local: Vila Olímpica
Horário: 08:00 hs



Obs.: Salve engano, não deverá comparecer à reunião componentes que assumem funções essenciais. Maiores informações, entrem em contato com o Comando pelo telefone (073) 3214-6393.

NOTA URGÊNTE

Carteira funcional está pronta para ser entregue, mediante a comprimento de acordo pré-estabelecido em reuniões.

Guarda Civil Muincipal Combatendo Vandalismo de Perto


Como de praxe no dia 12 de setembro fora feita ronda noturna. Ronda composta por Insp. Chefe Santos, GCM Fábio Pinheiro, GCM Aldenor Góes e GCM Cherlins, ao passarem pela mais nova praça de nossa cidade, a Praça Camacã, foi visto um grupo de esqueitistas fazendo manobras arriscadas e vandalistas, nos bancos da praça e em qualquer parte que a eles era satisfatório. Tão logo, os Guardas Municipais agiram, tentando evitar maiores danos deixados pelos esqueitistas, ao perceberem que um componente do grupo estava banhando-se, semi-despido na fonte. Foi solicitado ao rapaz pelos Guardas Municipais que ele saísse e se vestisse, saindo da fonte o rapaz desacatou os GCMs presentes, tomou em fuga largando roupas e seu Skate.
Na perseguição só foi possível conter este rapaz, próximo ao banco ITAU. Sendo levado ao Plantão Da Guarda Municipal, providencias cabíveis foram tomadas, onde foi identificado que tratava-se de um menor, com sintomas de embriaguez, não portando documentos fundamentais, tais como R.G ou C.P.F, onde dificultou a identificação exata como nome de seus genitores, o menor concordou em informar o endereço residencial, assim conseguindo completar seus dados.

Aos Guardas Municipais;
Estamos todos de parabéns. Assim, combatendo o vandalismo de perto conseguiremos manter a ordem em nosso município. Aos poucos lutando pela ordem, auxiliando às forças estaduais em nossa cidade, agindo com cautela e hombridade continuaremos a ser amigos de nossos amados munícipes. Parceiros, em busca da paz.

Aperfeiçoamento do Guarda Civil Municipal de Itabuna

Atenção Guardas...

Estarei deixando apartir de hoje links, para aperfeiçoamento individual. Agora, você poderá estudar online de forma gratuita, graças ao PCIConcursos, estou disponibilizando os endereços de forma que possa escolher o assunto a se aperfeiçoar.

Use e abuse desta nova ferramenta, a sua disposição.
Assuntos:
  • Português: Ortografia e Pontuação, Fonética e Fonologia, Morfologia, Sintaxe, Concordância e Regência, Interpretação e Linguagem, Textos.
  • Matemática: Raciocínio Lógico e Matemática Elementar.
  • Informática: Básica, Intermediaria e Avançada.
  • Diversos: Administração, Contabilidade e Econimia.
  • Direito: Direito, Direito Administrativo, Direito Civil, Direito Comercial, Direito Constitucional, Direito Penal, Direito Tributário, Direito Trabalhista, Direito Processual Civil e Direito Processual Penal.
A todos que querem evoluir, fique avontade a casa é sua. Esteje sempre visitando nosso blog, afinal, é aqui que as noticias sobre nós tem cunho de veracidade.
Estou colocando a disposição mais de 102.953 testes... Aproveitem!

Guarda Civil Municipal de Itabuna no, 7 de Setembro



No ultimo dia sete de setembro, Itabuna viu a mais bela homenagem, ao dia da Independência brasileira. Desfilaram, Policia Militar e suas vertentes, o Tiro de Guerra, Escolas Publicas Estaduais e Municipais, Escolas Particulares, Ordem Demole, Filhas de Jô, Fundação Marimbeta e seus Sítios Oficineiros, Funcionários Públicos em suas respectivas atuações em programas públicos, a exemplo do PETI e outros, tendo por fim, o Grito dos Excluídos. Porém, aos que desfilaram, não coube a responsabilidade de manter a ordem. Sendo assim, a ordem publica tivera que ser mantida, por aqueles atuantes nos bastidores.
O papel de co-adjuvante ficou para, alguns militares operacionais, agentes de fiscalização do transito municipal – SETTRAN, e os Guardas Civis Municipais. A estes sim, o verdadeiro muito obrigado! Embora, o desfile tenha sido belo e exemplo de superação, alguém tem que promover a manutenção da ordem publica.
Aos Guardas Municipais,
Estamos aos poucos fazendo sumir o ranço podre, de um passado obscuro não tão distante. Hoje lavamos a nossa alma, mostrando aos munícipes que temos potencial de sermos mais que meros “guardinhas”. Mostramos um belo trabalho com, urbanidade, hombridade, sensatez, coerência, competência e fidelidade aos nossos preceitos básicos regentes à competência de um Guarda Civil Municipal. Guardas: “Vamos manter a cabeça no lugar, chegamos até aqui com muito suor, somente esperam um simples deslize para jogarem o nosso nome de volta à lama!”.

Termino de Serviço...



7 de Setembro
Turma forte.

Termino de serviço...


Inspetor GCM Willian, GCM Tavares, GCM Roberto e GCM Sherlins.
(esquerda para direita)

Termino de serviço...



GCM Edson e Inspetor GCM Willian
(esquerda para direita)

Termino de serviço...


GCM Silvio Marques e GCM Laerte
(esquerda para direita)

Guarda Civil Municipal em Trabalho Conjunto com as Policias Estaduais



No ultimo dia 03-09 (quinta-feira) deu-se inicio pelo secretário da Indústria e Comércio, Carlos Leahy, uma união das Policias Militar e Civil e a Guarda Civil Municipal, junto aos fiscais desta secretária, com a intenção de inibir o uso das calçadas de nossa Av. do Cinqüentenário e a comercialização e aquisição, de materiais ilegais, frisando em principio, CDs e DVDs gravados.
O tenente Gilvan Santos, representante do 15º Batalhão da Policia Militar, disse que a PM disponibilizará o apoio necessário e realizará ações em conjunto com fiscais e Polícia Civil para retirar estes produtos de circulação e inibir a praticas das pessoas que os comercializam. Ele ainda da um alerta aos donos de lojas que são coniventes com este tipo de prática – a venda de produtos piratas – que a pena aplicada a eles será a mesma, por se associarem à comercialização deste tipo contravenção.
“Quanto a quem está comercializando esse tipo de produtos, serão aplicadas penas conforme previsto no Código Penal. E quem compra também será penalizado por interceptação de produtos que são associados ao crime da pirataria”, esclarece a delegada. Katiana disse ainda que, depois da apreensão dos vendedores e das mercadorias, será lavrado o ato do flagrante e adotadas as medidas cabíveis. Se as pessoas que comercializam estes produtos alegarem que não tem condição de pagar a pena que será aplicada, elas prestarão trabalhos sociais em entidades filantrópicas.

Guarda Civil Minucipal, sempre pronta...

Nesta foto destaca a união de todos os membros, desta corporação. Foto tirada no dia primeiro de setembro deste ano, ultima terça-feira. Temos da esquerda para a direita; Sub-Inspetor Uillian, Tavares, Roberto e Sherlins, onde contávamos neste momento da foto com a presença do Sub-Inspetor Mauricio e Silvio Marques, assim imagem registrada, no estacionamento da Prefeitura Municipal de Itabuna. Deve ser ressaltado que, estes homens destacados acima, são os exemplos de força de vontade, de esforços desta corporação, de querer ser um exemplo para todas as regiões Grapiunense e arredores, já se fazem notório os esforços de chegarmos a um grau de excelência tão desejado pelos munícipes.

Aos munícipes;
“Estamos nos esforçando ao máximo, para continuar sendo uma corporação que trabalha com a meta de prevenção às contravenções, às depredações aos nossos patrimônios e na continuidade da normalidade de seu dia-a-dia.” GCM Silvio Marques