sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Santa Casa de Itabuna completa dois anos da cirurgia cardíaca

Com a primeira cirurgia cardíaca realizada na Santa Casa de Misericórdia de Itabuna em 15 de fevereiro de 2008, o Serviço de Hemodinâmica e Cirurgia Cardíaca da instituição comemorou dois anos do feito, apesar de o serviço permanece sem o credenciamento pelo Sistema Único de Saúde. Apesar da média de 150 cirurgias já realizadas em pacientes conveniados e particulares no Hospital Calixto Midlej Filho durante este tempo, uma demanda reprimida continua sem ser atendida. Nesta terça-feira (23), uma nova vistoria será realizada pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

Para o coordenador do Serviço de Cirurgia Cardíaca da SCMI, o médico Décio Cardoso, a urgente necessidade de credenciamento do serviço pelo SUS está diretamente ligado à grande demanda na região. “Hoje temos toda a infraestrutura necessária, realizamos cirurgias com sucesso, mas o nosso paciente SUS tem que ser mandado para uma fila de mais de dois anos em hospitais de Salvador”, declarou Décio.

O credenciamento do serviço está diretamente ligado ao oferecimento do que se chama de integralidade da assistência, verificada na disponibilização pela Santa Casa de todos os trâmites necessários para um paciente cardíaco. “Após esta vistoria, com a possibilidade de inclusão do serviço na contratualização da Santa Casa com a Sesab, ofereceremos as consultas clínicas, realização de exames e o tratamento cirúrgico e hemodinâmico, tudo em um sistema integrado, a partir da entrada do paciente pelo Pronto Socorro do Hospital São Lucas, ou pacientes já internados em outras unidades hospitalares”, declarou o médico Décio Cardoso.

Hoje, em Itabuna, consultas clínicas de cardiologia somente são oferecidas de forma particular e conveniada, com a disponibilidade de poucos exames pelo SUS, a exemplo do ecocardiograma e eletrocardiograma. “Com o credenciamento SUS, teríamos além destes, exames de holter, mapeamento e teste ergométrico, além de procedimentos cirúrgicos como angioplastia e cateterismo”, definiu o coordenador do Serviço.

Com o esperado credenciamento SUS, a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna passará a ter o primeiro serviço de cirurgia cardíaca na região Sul e Extremo Sul da Bahia. Mesmo com a recomendação da Organização Mundial de Saúde de que seja oferecido um serviço de cirurgia cardíaca para cada 500 mil habitantes, toda estrutura médico hospitalar já em funcionamento no Hospital Calixto Midlej Filho e com todos os critérios de avaliação já cumpridos, a Santa Casa de Itabuna permanece sem o credenciamento SUS para o serviço.

Editado por Jack Simões

AVISOS

DESTAQUE

A Secretaria Municipal de Segurança, Transporte e Trânsito –Sesttran – realizou durante o dia de quarta-feira (08) uma operação de fisc...

LINKS ÚTEIS

SERVIDOR

IDENTIFIQUE-SE
Usuário:
Senha: