Guarda Civil recebe treinamento para atuar em grandes eventos

A “conduta de patrulha em grandes eventos” é um dos principais temas abordados em um treinamento que a Secretaria de Segurança, Transporte e Trânsito de Itabuna (Sesttran) promove durante três dias, para o efetivo da Guarda Civil Municipal (GCM). A abertura na terça-feira (27) foi na Vila Olímpica e reúne cerca de 70 guardas municipais. O treinamento é ministrado por inspetores, com certificação da GCM, e integra um conjunto de ações para aprimorar conhecimentos e técnicas usadas pela corporação, no desempenho das suas atividades.
O subsecretário da Sesttran e comandante geral da GCM, Ten-Cel. Washington Bastos, explicou que a meta é seguir com os treinamentos até o final do ano, buscando o alinhamento esperado pelo prefeito Fernando Gomes. “Capacitar o profissional de segurança pública para que ele esteja apto para agir em ações de sua competência, independente do local em que se encontra”, ressaltou o titular da Sesttran, Cláudio Dourado.
Com relação ao tema do treinamento, o coordenador do Núcleo Educacional da GCM, inspetor Valdir Santos, explicou que treinar o efetivo antes de “grandes eventos”, a exemplo do Forró do Povo 2017, que acontece neste fim de semana em Itabuna, permitirá não apenas que o profissional enfrente situações com desenvoltura e segurança com um serviço de qualidade, como também garantirá segurança ao público presente.
No segundo dia de treinamento, os participantes recebem aperfeiçoamento para o uso de armas de condutividade elétrica (spark e espargerdor/não letais), ministrado pelo instrutor Geovani Maurício. Também são repassadas técnicas de manuseio com “tonfa”, “imobilização e condução”, “abordagem com detectores de metais”, além de “conhecimentos jurídicos”, pelo instrutor Roberto Santos, graduado 2º Dan de karatê com certificação de tonfa. O encerramento amanhã, (29) será destinado à aula prática com a participação de integrantes da Guarda Civil Municipal de Itagi.
O inspetor Valdir Santos informou que os instrutores da GCM são credenciados junto à Polícia Federal para atuarem nestes eventos e capacitados para ministrar treinamentos com equipamentos de menor potencial ofensivo, conforme Lei Nº 13.060/2014 (que define que todo agente de segurança trabalhe ao menos com um equipamento de menor potencial ofensivo, para o uso racional da força).
Fonte PMI

Parte do Efetivo da Guarda Civil Municipal passa por capacitação em Itabuna

O Núcleo Educacional da Guarda Civil Administrativa (GCM), da Secretaria de Segurança, Transporte e Trânsito (Sesttran), deu início nesta semana a uma capacitação de parte do efetivo da corporação com o tema: “A conduta do Agente de Segurança, em blitz”. O palestrante e Agente de Trânsito, Jorge Teles, fez a abertura do evento na segunda-feira (19), abordando a temática “A Legislação de Trânsito com foco na Lei N° 9.503, de setembro/1997, que instituiu o Código Brasileiro de Trânsito”.
Segundo Teles, a intenção é capacitar o agente de segurança pública para que ele seja também habilitado para atuar como agente de trânsito. O inspetor Inácio Pereira, Coordenador do Núcleo Operacional da GCM, informa que participaram da capacitação, cerca de 50 guardas, que compõem os chamados “Grupamentos Especiais”: Grupo Especial Tático de Ações Motorizadas (GETAM) e o Grupo Ostensivo de Ações Preventivas (GOAP).
A capacitação será encerrada hoje e abordará, além da temática da legislação de trânsito, os subtemas: Relações Humanas, Abordagem de Aproximação e Mobilidade Urbana. Ontem, a palestra ficou sob a responsabilidade do Agente de Trânsito Ebercley Nunes Santos (Instrutor credenciado pelo Detran/BA), e contemplou a Resolução N° 371/2010, do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), que versa sobre a padronização nacional das ações e atividades do trânsito.
O subsecretário da GCM, Ten. Cel. PM Washington Idilceu Bastos finaliza ressaltando que a iniciativa de capacitar o efetivo segue orientação do Prefeito Fernando Gomes e do Secretário Cláudio Dourado (Sesttran), “e que a Guarda está colocando em prática um cronograma de atividades de treinamento para o seu efetivo, que visará capacitá-lo para uma melhor atuação junto à comunidade, nas suas diversas áreas de atuação”.
Fonte: PMI